quarta-feira, 19 de agosto de 2009

o cavaleiro solitário



clint eastwood, reverendo, ou algo assim (preacher), chega no vilarejo de mineradores, bate em todos os opressores, ajuda os oprimidos. o grande minerador expropria os pequenos de suas terras; tem matadores especializados para isso: o cherife e seus assistentes.

os pequenos mineradores não evoluem porque não se esforçam o suficiente. clint eastwood é reverendo: o grande minerador sabe o perigo que isso tem - o alimento espiritual unirá os pequenos dificultando sua expulsão da terra. clint eastwood ensina que "quase tudo é possível com trabalho duro"...e mais alguma coisa...ou algo assim. então os pequenos mineradores animam-se a quebrar uma rocha difícil.

os pequenos mineradores não tem esperança nem coragem: desistem ou vendem a qualquer preço as terras em que vivem suas famílias. clint eastwood negocia o preço justo com o grande minerador. clint eastwood dá o exemplo de que é possível bater em todo mundo. então os mineradores pequenos animam-se a perceber que nenhum preço é justo por suas terrinhas promissoras e vão a luta.

acontece que clint eastwood tem a morte no olhar. o grande minerador percebeu logo. o cherife bem sabia disso. clint eastwood é o homem solitário: salvou o vilarejo, ensinou a coragem, o trabalho, deixou apaixonadas tanto uma certa viúva como a filha dela, e foi embora. ele é o homem solitário, tem o destino de cavalgar pelos lugares desertos do oeste, com valores incorruptíveis e sem possibilidade de laços mais profundos. porque ele tem a morte no olhar, conhece de perto a condição humana: por muito tempo sofreu e fez sofrer. a menina, filha da viúva, declarou seu amor. ele sabia que não podia aceitar, não podia ser feliz, não podia fazer feliz. recomendou que ela esperasse por um jovem que viria. clint eastwood precisa continuar.

2 comentários:

  1. Tente "O estranho sem nome" [High Plains Drifter] também.

    ResponderExcluir
  2. "O Bom, o Mal e o Feio" tbm é excelente!

    ResponderExcluir