sábado, 20 de fevereiro de 2010

alienação olimpíadas de inverno


mal posso acreditar nas posibilidades infinitas que a t.v. a cabo possibilita às famílias honestas hoje em dia. olimpíadas de inverno 2010, vancouver. fico esperando, ingenuamente e em vão, que alguém se manifeste, que alguém enfim expresse em palavras ou gestos, alguma sensação de desconforto ao perceber que tem passado horas diante da t.v., assistindo brincadeiras na neve transmitidas ao vivo, diretamente de um país distante. mas não; permanece a distração, o hábito de matar o tempo, a conexão ao veículo da propaganda/imagem espetacular. "sábado à tarde não tem nada melhor passando..." a vida resume-se a assistir o programa considerado menos pior. a liberdade de escolha está em escolher apenas dentre aquilo que é calculadamente oferecido. se alguém tomasse a atitude revolucionária de levantar-se do sofá, e ainda radicalizasse o movimento abrindo a porta para a rua, seguramente iria ao shopping, onde encontraria ar condicionado, segurança e gente bonita.
mas isso não é um manifesto, nem um panfleto, nem a apologia de coisa alguma. trata-se de um amontoado de equívocos, engano e desrespeito pelo gosto alheio. conceitos mal-empregados misturados a idéias pré-concebidas. apenas passando o tempo em uma noite sem mais o que fazer...

Um comentário:

  1. acho que com seu comentário ácido vc está está desrespeitando os dignissimos atletas brasileiros que estão nos representando nesta olímpiada na neve... mesmo não nevando no Brasil, isso apenas ressalta a grande qualidade do brasileiro de não desistir nunca

    ResponderExcluir