sexta-feira, 1 de abril de 2011





na verdade é preciso... toda essa perturbação e essa artificialidade de linguagem, não passam de extensões da alienação em forma de anti-alienação. acreditar é um último apelo para ocupar o que está desocupado[no mal sentido]

Nenhum comentário:

Postar um comentário