terça-feira, 12 de abril de 2011

"O ressentimento surgiu como uma das dimensões fundamentais do ethos e da ética ascética da pequena burguesia (ou de modo mais geral, da burguesia em sua fase ascendente), sem dúvida porque ela autoriza os membros da classe média - conscientes de que sua ascenção resulta de privações e sacrifícios de que estão livres, ao menos em sua óptica, os membros das classes populares e os membros das classes superiores - a fazerem, como se costuma dizer, da necessidade virtude, e a condenarem tanto o laxismo dos que não tiveram que pagar o preço da ascenção como o descuido imprevidente dos que não souberam ou não quiseram pagar tal preço." - pierre bourdieu, economia das trocas simbólicas

Nenhum comentário:

Postar um comentário