terça-feira, 31 de maio de 2011



"Top 5 quarentonas mais enxutas"
no meu apartamento confortável, li textos sobre a injustiça do mundo capitalista. o livro custou R$40. no apartamento confortável existem bons sofás, tv lcd, forno microondas; carro na garagem, cerca elétrica. a leitura de textos sobre a injustiça do mundo capitalista, nessas condições, cria duas consciências: 1- consciência crítica, 2- consciência pesada. quando a consciência crítica quiser aliviar a consciência pesada, eu irei trabalhar junto dos cortadores de cana e dos soldadores de peças de máquinas: I- com o trabalho proletarizado alcançarei a dignidade humana, II- com a devida adaptação dos textos sobre a injustiça do mundo capitalista ajudarei os trabalhadores a alcançarem a mobilização social.
mas a consciência pesada tem fundamentos mais sólidos: eu sempre posso retornar ao apartamento confortável; o trabalhador digno é livre para escolher morrer de fome.

sexta-feira, 20 de maio de 2011

mãos ensangüentadas de jesus

sexta-feira, 13 de maio de 2011


às vezes é preciso ter um vocabulário de acordo. não adianta nada falar em faustão e a mercadoria. mercadoria não diz nada ao cidadão de bem. o cidadão de bem tem relação afetiva com os objetos que possui; relação afetiva pervertida: os objetos que possui o possuem e o definem.
o discurso do consumismo maldoso já está incorporado até pela propaganda de banco. o banco quer fazer crer que não tem nada a ver com isso.
o banco financia a sujeição aos objetos enquanto convence seus clientes que viver bem é uma questão de boa vontade.

segunda-feira, 9 de maio de 2011

o sorriso artificial do faustão é a expressão definitiva da mediocridade do mundo cujo sentido se encerra na mercadoria.

terça-feira, 3 de maio de 2011

agora que chegou o inverno, essas ana maria braga(s) da vida real dirão por aí que gostam do frio. essas ana maria braga(s) da vida real mal podem esconder sua tristeza crônica apesar da maquiagem e do corte moderno de cabelo; mas elas gostam do frio: a idéia de que no inverno as pessoas têm a oportunidade de se vestir bem é a mais pura expressão da separação entre realidade e concepção da realidade. miséria do gosto. as imagens espetaculares da europa associaram nas cabeças mais ingenuamente preconceituosas, roupa de frio e elegância. Na verdade, roupa de frio está associada a frio.



"Se você é poser até não poder mais e quer passar um ar de sedução em suas fotos, faça como Megan Fox: lábios entreabertos, não deixando transparecer um sorriso com todos os dentes à mostra, mas também não adotando uma expressão totalmente séria. Claro que o conjunto da obra ajuda, mas a dica funciona. Vai treinando na frente do espelho e em auto-retratos que você pega o jeito." - yahoo!!